A faixa de Lula poderá ser passada por um grupo simbólico

Ninguém sabe ainda quem passará para Lula, a faixa presidencial mais famosa da República - Foto: Montagem/Reproduções/Agência Brasil


Texto escrito pelo jornalista Walter Brito

Assisto de camarote a boatos que afirmam que Lula e Geraldo Alckimin não subirão a rampa do Palácio do Planalto, ledo engano, pois já estão de frente ao Palácio do Planalto em Brasília mais de 30 mil pessoas das 40 mil que terão acesso à cerimônia, após rigorosa revista no sentido de impedir qualquer tipo de armamento, especialmente na Esplanada do Ministério e Praça da Cidadania.

O cabeleireiro da Janja caprichou no visual dela para a posse. A primeira-dama promete trabalhar a favor da pobreza, como Evita, a mãe dos pobres na Argentina - Foto: Reprodução/Instagram

Às 16h30min, depois de Janja e Lula percorrerem parte da Esplanada no Rolls-Royce aberto da Presidência da República, o casal se encontrará com o vice-presidente Geraldo Alckmin (PSB) e a esposa Lu Alckmin no pé da rampa do palácio presidencial e de forma pacífica e, soberana, subirão a rampa sob os aplausos da maioria dos 214 milhões de brasileiras e brasileiros. Presentes nas cercanias do Palácio do Planalto, esperam-se mais 300 mil pessoas de Brasília, de diversos cantos do Brasil e do exterior que vieram aplaudir a terceira vitória do filho de dona Lindu, o ex-torneiro mecânico que assumirá pela terceira vez o comando da principal cadeira do Palácio do Planalto.

Pelé deixou um segredo que logo será revelado pelo Santos Futebol Clube. O povo brasileira só saberá quem passará a faixa presidencial para Lula, na hora H! — Foto: Arquivo A Tribuna/Instagram Pelé


Quanto à passagem da faixa, obviamente não será repassada para Lula da Silva nem por Bolsonaro, que se encontra nos EUA, nem pelo vice-presidente da República Hamilton Mourão. Certamente, também, nem o presidente da Câmara Arthur Lira (Republicanos) e muito menos a presidente do Supremo Rosa Weber. Sabe-se que o segredo da passagem da faixa presidencial está guardado a sete chaves, tal qual o segredo guardado pelo Rei Pelé em seu armário no vestiário da Vila Belmiro em Santos.

Na foto, o Rei Pelé e este jornalista Walter Brito, quando dei o primeiro abraço no Pelé ministro dos Esportes de FHC. Hoje, Lula será reverenciado por importantes chefes de Estados do Planeta Terra. Amanhã, 2/1/2023, será a vez do Rei Pelé se despedir com aplausos de todos os continentes


Comenta-se entre meus colegas jornalistas aqui na porta do Hotel Meliá, onde Lula está hospedado em Brasília, que a faixa mais famosa de toda a República será repassada por um grupo composto por diversas etnias: negro, branco, indígena, oriental, entre outros. Esperamos, todas e todos, que o Brasil recupere o tempo perdido e restabeleça efetivamente a nossa democracia e nos coloque de volta no patamar que merecemos, certamente entre os primeiros da economia do Planeta Terra. Que a fome e a miséria se transformem em problemas do passado. Salve 2023!

Emerson Tormann

Técnico Industrial em Elétrica e Eletrônica com especialização em Tecnologia da Informação e Comunicação. Editor chefe na Atualidade Política Comunicação e Marketing Digital Ltda. Jornalista e Diagramador - DRT 10580/DF. Sites: https://etormann.tk e https://atualidadepolitica.com.br

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem