Rapper Donato No Relato estreia como ator de cinema

Artista goiano participa como vilão do suspense psicológico Práxis, do diretor e ator Eduardo Rosário que está sendo filmado em Anápolis



Depois de um 2021 cheio de lançamentos musicais e um trabalho em prol do rap e cultura de rua produzida em Goiás, o rapper Donato No Relato se viu diante de mais um grande desafio: participar de uma produção cinematográfica profissional e explorar o seu lado ator diante das câmeras. O convite partiu do ator e diretor goiano Eduardo Rosário para o curta-metragem Práxis, um suspense psicológico que aborda como o  comportamento humano foi afetado durante a pandemia. 


Para o cantor a oportunidade está sendo enriquecedora, uma vez que permite a ele explorar todo seu potencial como artista. "Mesmo com uma experiência nos clipes, eu não imaginava o quanto é complexo atuar para uma câmera de cinema e também para um colega ator, fazer essa troca de sentimentos. A preparação, as aulas de encenação, luta, fala e postura de corpo e voz, tem sido imensamente gratificante", comemora Donato. 


Eduardo e Donato se conheceram em 2021 em uma passagem de ambos por Pirenópolis, cada um divulgando seus trabalhos. Donato havia gravado clipe de Fé Pra Tudo na cidade, mas foi a música Mãe que chamou a atenção do diretor, que na época apresentava uma produção sobre violência contra a mulher (Eu Trouxe Flores - 2021). Os temas "casaram" e a conexão dos dois também foi imediata, surgindo o convite posteriormente. 


Na película Donato dá vida a Arthur, pseudo vilão que atravessa a vida de Amanda e Ulisses como um furacão e cheio de mistérios e enigmas. Ela é professora de francês e ele, ex-piloto de kart, insatisfeito com o rumo de sua vida. O casal vive uma fase desgastada do casamento onde precisam enfrentar a falta de paixão, dilemas pela cor da pele, e pela sensação de ver a juventude indo embora. 


O elenco passou por dois meses de uma preparação imersiva que foi de oficinas

de interpretação, ensaios de cenas, coreografias de luta, preparação física e mental, à aulas de francês. Inclusive, ponto a favor de Donato, já que ele morou alguns anos na França e tem domínio da língua. 


De acordo com Eduardo, o enredo promete prender a atenção do espectador do começo ao fim com personagens de fortes personalidades dispostos a dizer tudo o que pensam e até a romper alguns limites morais e éticos. 


O termo Práxis vem do grego e significa ação ou conduta. "Na nossa abordagem, chegamos à palavra prática, ato de ensaiar um comportamento repetidamente, ou de se engajar em uma atividade repetidas vezes, com o propósito de aprimorá-la ou dominá-la", desvenda Eduardo. 


O filme é produzido por uma equipe goiana, que vem ganhando espaço no cenário das produções nacionais, acumulando premiações e reconhecimento no Brasil e no exterior, com um cinema propositivo, que além de produzir entretenimento, levanta discussões sobre temas de relevância social. Além de participar como ator, Eduardo e Donato também se uniram na produção da trilha sonora do filme, que terá uma canção feita sob medida por eles e assinada pela produtora CausArt. 


A produção é financiada pelo Fundo Municipal de Cultura da cidade de Anápolis, e executada pela Pull Rocket, em parceria com as produtoras goianas Gato do Mato, e Fusão filmes. No elenco está Eduardo Rosário, referência goiana no cinema nacional, com os premiados "Under the Sun (2019)" e "Eu Trouxe Flores (2021)", Tallita Barbosa, atriz com interpretações reconhecidas e larga experiência no teatro, e por fim,  Donato no relato, um dos rappers goianos da nova geração mais proeminentes, que agora faz sua estreia 

como ator de cinema. 

 

A estreia está prevista para abril em salas de cinema e a pré-produção pode ser acompanhada pelo instagram @filmepraxis  



FICHA TÉCNICA

PRÁXIS (2022), ficção, 20 minutos.

Realização: PULL ROCKET em parceria com GATO DO MATO e FUSÃO FILMES.

Apresentação: Conselho Municipal de Cultura e Fundo Municipal de Cultura da cidade de Anápolis-Go, 

Secretaria Municipal de Integração Social, Esporte e Cultura de Anápolis-GO.

Apoio institucional: Realiza construtora, Cinema Cineprime, Studio House, T3 comunicação

Direção: Eduardo Rosário

Assistente de Direção: Elvis Diovany

Diretor de fotografia: Elvis Diovany

Editor: Elvis Diovany

Elenco: Donato no Relato, Eduardo Rosário, Tallita Barbosa

Diretora de arte: Izamara Alves

Técnico de som: Romes Nunes

Sound Design – Studio House

Figurino: Karla Dantas

Maquiagem: Izabella Lima

Trilha sonora: CausART

Produtor musical: Ruben Morais

Consultora de língua francesa: Laydiane Cabral

Tradutora Português – Inglês: Greice Moura

Preparadora de elenco em cenas de luta: Taty Eterno Ribeiro


Foto: Elvis Diovany 


Postar um comentário

0 Comentários