Manutenções preventivas em tratores evita contratempos e reduz gastos no período de preparação da colheita

 Revisão nos equipamentos agrícolas deve estar inserida no checklist para garantir bons lucros ao produtor e melhor desempenho do trator



O planejamento e a manutenção preventiva nos tratores no período pré-colheita possibilitam que o produtor evite contratempos. A exemplo da preparação da colheita de café que, dependendo da região se inicia em abril, as revisões nos equipamentos agrícolas neste período podem contribuir na garantia de bons lucros ao produtor, com produtos de boa qualidade.

Além dos tratos culturais do café ou das frutas, por exemplo, que demandam cuidados especiais na terra para assegurar a evolução de desempenho de produção, minimizando fatores externos que possam comprometer a produtividade da safra, o produtor precisa ficar atento com a revisão das máquinas agrícolas para aumentar também a produtividade da lavoura e manter a durabilidade dos próprios produtos que foram adquiridos com esforço. Além de evitar possíveis adversidades, a manutenção preventiva dos equipamentos reduz gastos.

“A manutenção preventiva minimiza o risco de a máquina quebrar durante períodos que são importantes do manejo da cultura em que ela é utilizada”, alerta o coordenador de Vendas/Marketing da Agritech, Cesar Roberto Guimarães de Oliveira.    

Além do financeiro, as inspeções de prevenção também estão diretamente vinculadas à segurança da operação e do próprio operador, pontos essenciais para um bom funcionamento da propriedade rural.

De olho na revisão

Muitos proprietários de tratores ainda têm certa resistência na hora de mandar suas máquinas para a revisão, pois acreditam que não há problema em trabalhar com o equipamento tendo seus lubrificantes e componentes vencidos. “Sempre orientamos nossos clientes para que realizem as revisões dentro dos períodos estipulados. Frisamos que isso diminui as despesas com manutenções e aperfeiçoa a utilização das máquinas, aumentando a produção agrícola e a vida útil dos equipamentos”, ressalta o coordenador de Vendas da Agritech.

Compra de um novo equipamento via consórcio

Dependendo da produtividade da lavoura e da necessidade de aumentar o número de implementos agrícolas na rotina da produção, chega o momento da compra de um novo trator. Uma das modalidades preferidas do produtor é adquirir seu equipamento agrícola via Consórcio Agritech por ser menos burocrático e com menor custo do que um financiamento bancário.

O consórcio Agritech não tem taxa de inscrição, sem fundo de reserva, entrega garantida pela fábrica. Pagamentos podem ser mensais, trimestrais, semestrais ou anuais e parcelas reduzidas.

Além disso, a proximidade com o produtor rural tem sido outro motivo de sucesso da comercialização dos consórcios. “As visitas em campo nas propriedades têm alavancado as vendas, além do fato de promover um importante estreitamento no relacionamento com os clientes. Os vendedores das revendas, que recebem treinamento qualificado, conseguem entender as reais necessidades dos produtores para vender o equipamento agrícola com a melhor solução”, explica Oliveira.

Linhas de Destaque da Agritech

Atualmente, os modelos de tratores 1155 Super Estreito e a série dos compactos 1160/1175/1185 são os principais destaques da marca Agritech, pioneira na indústria brasileira ao fabricar máquinas voltadas especialmente para a agricultura familiar.

O modelo 1155 Super Estreito, que possui apenas 1,18 metros de largura externa dos pneus, é leve, estreito e econômico. Não compacta o solo e fácil de operar, atendendo especialmente os cafeicultores a desenvolver as melhores soluções. Com um motor de 42 cv, possui comandos laterais, além de contar com hidráulico para 1.500 Kg.

Os tratores da série 1160/1175/1185 compactos têm obtido melhores performances na lavoura de uvas, fruticultura em geral e café em razão das duas dimensões (largura e altura). Facilitam o dia a dia da lavoura em diversas situações de aplicação, desde o preparo do solo ao transporte da colheita, o que dá aos equipamentos muita versatilidade. Possuem tração 4 X 4, capacidade do levante hidráulico de 2.200 Kg e câmbio principal e secundário sincronizados.

Postar um comentário

0 Comentários