Projeto Dançar é Arte recebe visita de Márcia Rollemberg

Colaboradora do governo de Brasília colocou-se à disposição para ajudar na ampliação da iniciativa que ensina balé a alunas de escolas públicas

Foto: Toninho Tavares

O projeto sociocultural Dançar é Arte, desenvolvido no Núcleo Rural Córrego do Torto, no Setor de Chácaras do Lago Norte, recebeu nesta tarde a visita da colaboradora do governo de Brasília Márcia Rollemberg, esposa do governador Rodrigo Rollemberg. Acompanhada da embaixadora da Áustria, Marianne Feldmann, e da Secretária Adjunta de Cultura, Nanan Catalão, Márcia foi conhecer a iniciativa e colocou-se à disposição para ajudar a ampliá-la: "Nosso objetivo é abrir possibilidades por meio da arte para a vida dessas meninas".

O Dançar é Arte atende 150 crianças e adolescentes, com idade entre 6 e 18 anos, de escolas públicas de diversas regiões do Distrito Federal. De acordo com a idealizadora, a professora de balé Kátia Morais, o projeto não conta com patrocínio ou incentivo. "Uma das nossas maiores dificuldades é o transporte das meninas e suas mães até aqui", ressalta. Segundo Kátia, as alunas não pagam pelas aulas, e há uma fila de mais de 1,7 mil meninas à espera de uma vaga.

Artesanato
Além de aprender a dançar balé, as estudantes e as mães participam de oficina de capacitação artesanal. Elas confeccionam ipês e bonecas de pano, e pássaros e diversos objetos com aproveitamento de material reciclável. Os produtos são comercializados, e o recurso arrecadado é investido no projeto.